Domingo, 22 Abril 2018 | Login
 Rio Branco/Acre
INÍCIO SOBRE

Agente penitenciário fazia serviço de correios aos presos da unidade Antônio Amaro

O delegado Pedro Resende, da Divisão de Repreensão ao Entorpecente (Dre), apresentou na manhã desta terça-feira (10), a prisão de um agente penitenciário, atuante no presídio Antônio Amaro Alves, suspeito pelo crime de tráfico e de ser um mensageiro do crime a presos daquela unidade.

De acordo com Resende, Odalicio de Almeida Silva, de 40 anos, já vinha sendo monitorando há algum tempo e foi preso na manhã de hoje, na entrada do presídio em uma ação conjunta da Polícia Civil com o Instituto de Administração Penitenciária (Iapen).

No momento em que percebeu que ia ser abordado, ainda segundo o delegado, ele arremessou a droga em um lago localizado em frente ao presídio e foi encontrado ainda com ele cartas que comprovam que ele fazia o serviço de mensageiro do crime, além da suposta prática de tráfico.

“Ele auxiliava no tráfico de drogas, levava informações de dentro do presídio da fora e de fora pra dentro. Nos tínhamos diversas informações com relação há ele. Ele seria comparsa de um agente preso há dois meses atrás também pelo crime de tráfico, fariam parte da mesma equipe e também várias informações de dentro do Iapen com a apreensão de celulares que davam conta de que ele era o “correria”, que é o termo usado pelos presos quando tratam de agente penitenciário corrupto”, disse o delegado.

Fonte: Ac24Horas

000

About Author

Entre para postar comentários