Quinta, 22 Fevereiro 2018 | Login
 Feijó/Acre
INÍCIO SOBRE

Em Feijó, vendedor é preso suspeito de abusar da filha de nome anos Destaque

O vendedor morava com os quatro filhos e todas as noites se “trancava no quarto” com a filha mais nova. (Foto: Cedida)

Um vendedor ambulante, de 55 anos, foi preso, na terça-feira (8), suspeito de abusar sexualmente da filha de 9 anos na zona rural de Feijó, distante 366 km de Rio Branco. De acordo com a Polícia Civil, que investigou o caso, o homem confessou que dormia com a criança há aproximadamente um mês.

Segundo o delegado Samuel Mendes, o vendedor morava com os quatro filhos e todas as noites ele se “trancava no quarto” com a mais nova. As outras crianças – dois meninos, de 10 e 14 anos; e uma menina de 16 anos – dormiam fora do cômodo.

“Os outros filhos desconfiaram, porque o pai não levava nenhuma mulher para casa e começaram a aparecer embalagens de preservativo abertas. A mãe chegou a contar que ele abusava dela. Depois foi feita uma denúncia e foi averiguado. Quando interrogado, ele confessou. Representei pela prisão preventiva e ele já ficou preso”, afirma.

De acordo com o Conselho Tutelar, que acompanhou o caso, a mãe das crianças não vivia mais com o vendedor e estaria na capital fazendo tratamento de saúde. “A mãe já é separada dele há um bom tempo. Ela está em Rio Branco fazendo tratamento contra um câncer, mas está chegando a Feijó”, diz a conselheira Edileia Gomes.

A conselheira acrescenta que, após ser retirada do local, a criança vai viver na casa da avó materna, deve passar por acompanhamento psicológico e mudará de escola. “Os dois meninos vão ficar com a avó paterna”, acrescenta.

000

About Author

Itens relacionados (por tag)

  • Em Tarauacá: Seis pessoas são presas em ação da Polícia Civil

    As prisões de Márcio Oliveira Bezerra e Leidivânio Nascimento foram decretadas pela justiça (Foto: Cedida)

    A Polícia Civil prendeu na manhã desta quarta-feira, 06, seis pessoas envolvidas em vários crimes cometidos em Tarauacá. A ação realizada por agentes de Policia que atuam no município foi coordenada pelo delegado José Obetâneo, 

    Dentre os presos, constam: Márcio Oliveira Bezerra, de 27 anos, condenado tráfico de drogas, e Leidivânio Nascimento de Souza, de 22, condenado pelo crime de roubo. Ambos detidos através do cumprimento de decisão judicial.

    Na mesma incursão, a equipe, com apoio da Polícia Militar, prendeu em flagrante delito Edevilson Pereira de Souza, Francisco Rodrigues Filho e Francisco Castro Lima Filho, pela prática de crimes previstos na lei Maria da Penha. Em trabalho sequenciado das equipes, foi autuado em flagrante delito José Carlos Pessoa de Aquino, suspeito de tráfico de drogas.

    “Nosso trabalho é continuo, não descansaremos enquanto não acabar com ação dessas pessoas que tentam ruir a tranquilidade aqui em nosso município. Essa é uma determinação de nosso secretário Carlos Flávio que nos dá as condições necessárias para o desenvolvimento de nossas atividades policiais”, observou delegado Obetâneo.

    A Polícia Civil em Tarauacá vem tirando de circulação varias pessoas em conflito com a lei devolvendo a sensação de segurança e tranquilidade às pessoas daquele município. De acordo com o delegado, todos os presos foram colocados à disposição das autoridades judiciais para as medidas cabíveis.

    Com informações da Ascom da Polícia Civil

  • Operação Fim de Linha cumpre 14 mandados de prisão em Sena Madureira

    A ação no município resultou no cumprimento de 14 mandados de prisão e mais sete de busca que resultou na prisão de 20 pessoas entre elas um componente de uma organização criminosa que agia naquele município (Foto: Divulgação/Marcelo Torres)

    A Polícia Civil realizou na manhã desta quarta-feira, 05, balanço específico da operação "Fim da Linha" realizada no ultimo dia 31, no município de Sena Madureira coordenada pelo delegado Rêmullo Diniz, titular daquele município.

    A ação no município resultou no cumprimento de 14 mandados de prisão e mais sete de busca que resultou na prisão de 20 pessoas entre elas um componente de uma organização criminosa que agia naquele município. Alessandro Silva do Nascimento, 25, foi preso em casa, localizada no bairro Cristo Libertador, periferia de Sena Madureira.

    A operação “Fim da Linha” envolveu diretamente cerca de 300 policiais, que cumpriram 204 mandados judiciais contra membros de uma organização criminosa (Foto: Divulgação/Marcelo Torres)

    A investigação apontou o “Matemático” como é conhecido no mundo do crime, como sendo o elemento responsável pela contabilidade da organização onde documentos comprovam mais R$ 200.000,00 mil reais em movimentação financeira.

    Além das prisões, objetos como: armas de fogo, motocicletas roubadas, R$ 6.454,00 em espécie, eletroeletrônico, câmeras fotográficas, nove celulares que passam por pericia técnica, foram tirados de circulação.

    "A operação segue com as investigações e todo material apreendido será submetido a perícia e acreditamos que mais pessoas envolvidas com a criminalidade serão tiradas de circulação para que a paz social volte a reinar. Tivemos o apoio incondicional da Policia Militar onde mostra a integração das forças de segurança para combater a criminalidade”, relatou Rêmullo Diniz.

    A operação “Fim da Linha” envolveu diretamente cerca de 300 policiais, que cumpriram 204 mandados judiciais contra membros de uma organização criminosa que agia na prática de roubo, tráfico, assaltos e homicídios no Acre, com ramificações em mais dois estados – Bahia e Goiás. Ao todo, 160 pessoas foram presas.

    Com informações da Ascom da Polícia Civil

     

  • Polícia Civil prende oito suspeitos de diferentes roubos e recupera duas motocicletas

    Dentre os detidos estão foragidos do sistema prisional e que são considerados de alta periculosidade por cometerem crimes considerados graves (Foto: Cedida)

    A Polícia Civil prendeu na manhã desta terça-feira, 29, oito pessoas por prática de vários crimes cometidos em Rio Branco e recuperou duas motocicletas. Dentre os detidos estão foragidos do sistema prisional e que são considerados de alta periculosidade por cometerem crimes considerados graves.

    Foram cumpridos os mandados de prisão em desfavor de Jharfa Almeida da Silva, 29, (roubo), Mateus Ferreira de Paiva, 21, (roubo), Jamerson Rodrigo Ripardo da Silva, 20, (roubo e homicídio tentado), Anderson dos Santos Gomes, (foragido e detido em Porto Velho), Dhemerson da Silva Ferreira, (roubo), Luan Aquino Amorim, (roubo), Severino Ripardo Lima, 32 (roubo qualificado com emprego de arma) e Weverton Chaves Freitas, 22.

    Weverton Freitas estava foragido da penitenciária de Sena Madureira e é apontado pelas investigações por cometer vários delitos, inclusive roubo de caminhonetes em Rio Branco.

    Com Jharfa da Silva, suspeito de roubo a um lanche localizado nas proximidades do bairro Areal, a polícia encontrou uma motocicleta produto de furto e dinheiro, supostamente oriundo do crime. Já Anderson dos Santos Gomes foi preso pela polícia de Rondônia, em Porto Velho, de posse de uma motocicleta roubada.

    De acordo com o delegado Karlesso Nespolli, coordenador da Divisão de Investigação Criminal (DIC), com exceção do foragido preso em Rondônia, as prisões se deram em cumprimento a mandados de busca e apreensão após investigação.

    “Essas prisões são resultados das investigações, um trabalho árduo de nossos agentes. A Polícia Civil tem intensificado suas ações no sentido de capturar e retirar de circulação esses indivíduos em conflito com a lei, colocando-os à disposição da justiça para que eles cumpram as respectivas penas determinadas", destacou Karlesso.

    Após a apresentação dos presos, todos foram conduzidos ao sistema penitenciário onde devem aguardas as respectivas medidas judiciais.

    Com informações da Assessoria de Comunicação da Polícia Civil

     

Entre para postar comentários