Quarta, 23 Maio 2018 | Login
 Assis Brasil/Acre
INÍCIO SOBRE

Enchente do Rio Môa surpreende moradores e agricultor perde quase R$5 mil em plantação Destaque

A alagação do Rio Môa pegou os moradores da Comunidade Assis Brasil de surpresa. Segundo relatos dos mais antigos, nunca tinha sido registrada na comunidade uma enchente com proporções iguais. São, pelo menos, 46 famílias atingidas no local pela água. Entre as vítimas da elevação do rio, está o agricultor Francisco Alves, com um prejuízo de quase R$5 mil, ao perder toda plantação de verduras e hortaliças.

“Acabou tudo, todo meu investimento foi aqui, e foi por água abaixo. Eu tirava meu sustento daqui, e espero pelo menos uma ajuda dos órgãos competentes para recomeçar”, contou o agricultor.

No local, são diversas casas alagadas, plantações perdidas e animais convivendo com moradores. Na casa do seu José dos Santos, de 54 anos, mais conhecido por “Baxim” falta pouco pra água invadir.

“Aqui já está tudo dentro de casa, todos os animais, e não tem como sair agora daqui, só se entrar mais água. Tenho medo de sair para outro lugar e levarem tudo que eu tenho”, falou.

Segundo os moradores, nunca ouve uma cheia como essa na localidade. Muitos moradores até construíram casa coma altura mais elevada, mais em outras já é necessário levantar os móveis para que não sejam molhados pela água do Môa. Para tentar amenizar a situação, a prefeitura de Cruzeiro do Sul mantém diariamente barqueiros no local para prestar auxílios aos alagados.

Uma equipe composta por enfermeiros, assistência social, defesa civil e outros profissionais, esteve em visita aos atingidos. Segundo o secretário de saúde municipal Edir Clemente, a preocupação é com doenças que possam aparecer durante a enchente.

“Agora nossa intenção é trabalhar firme e forte nas ações de educação e saúde, nas ações de prevenção, até porque existem diversas doenças que podem aparecer, como as hepatites, leptospirose, doenças ocasionadas por animais peçonhentos, dentre outras. A Secretaria de saúde está preparada para agir, para atender bem essas pessoas”, explicou o secretário”, destacou o secretário.

Fonte: www.Juruaonline.net

000

About Author

Entre para postar comentários